Agência de adoção católica perde recurso contra lei que proíbe discriminação contra pais gays

terça-feira, 31 de agosto de 2010

Por Redação
26.08.10



A Catholic Care, uma agência católica de adoção sediada na cidade de Leeds, no Reino Unido, havia solicitado à Justiça que lhe fosse permitido rejeitar propostas de pais Gays interessados em adotar crianças, com o objetivo de seguir a orientação discriminatória e homofóbica da igreja católica, para quem apenas casais formados por homem e mulher são capazes de constituir família.

Contudo, na visão da Charity Commission, órgão britânico que regula instituições sociais, os Homossexuais podem sim ser ótimos pais e as opiniões baseadas na religião não justificam a discriminação, sendo assim, nesta semana a agência o recurso apresentado contra a lei que proíbe a discriminação contra Homossexuais no Reino Unido.

1 comentários:

A. Godoy' disse...

Isso podia chegar logo ao Brasil ne?! rsrs